Chat do Blog Sporting 2011/2012 Bem- Vindos

terça-feira, 25 de setembro de 2012

SPORTING CP 2 - Gil Vicente 1


O SPORTING CP conquistou, ontem à noite, a sua primeira e tão importante vitória no campeonato frente ao Gil Vicente (2-1).

Com uma constituição de equipa inicial que fez brilhar os olhos dos adeptos, a equipa leonina mostrou-se desde cedo capaz de pressionar alto e atacar bem sendo que, até ao minuto 7, poderia estar a ganhar por 2-0, não o tendo conseguido devido às falhas de Capel e Viola no momento final do remate. Nesse mesmo minuto 7 (e sem nada o fazer prever) o SPORTING CP vê-se em desvantagem no jogo depois de um erro colossal do Xandão no eixo defensivo, um segundo erro de Cédric ditou que Luís Carlos ficasse cara a cara com Patrício e atira-se para o fundo das redes leoninas. Estava feito o 0-1 para o Gil Vicente e os ânimos em Alvalade começavam a ficar cabisbaixo. A partir do golo do Gil, o SPORTING CP baixou um pouco a pressão e, ainda na 1º parte, os adeptos ficaram com uma certeza: aí vem mais um jogo de sofrimento... afinal sem sofrimento não somos adeptos leoninos ;).
A equipa que Sá Pinto formara para o início era uma equipa extremamente ofensiva e ainda mais ficou quando Pranjic, lesionado, teve de ser substituído por Labyad. Ataque, ataque, ataque... era o que o mister pedia.
Na 2º parte e a jogarmos com 5 jogadores de pendente ofensivo, a turma leonina entrou com vontade de vencer mas nada derrubava a muralha gilista que, diga-se a bom da verdade, nunca tentou ganhar porque nunca aproveitou o espaço deixado entre as linhas ofensivas e defensivas do SPORTING CP. Enquanto a equipa andava às voltas (a pensar mais com o coração do que com a cabeça) Sá Pinto fez o que só um treinador de coragem faria, troca um defesa central por um extremo, o mesmo que dizer que sai Xandão entra Carrillo. 5 jogadores ao ataque mais Izmailov que aparecia fazendo das suas, mais Insúa com os seus pujantes remates, mais Rinaudo que por esta altura tentava ser defesa central e médio... bem digo-vos o que pensei: "Ou isto se ganha ou corre muito mal esta táctica do Sá Pinto e as coisas não ficam nada boas para o nosso lado!". Felizmente ganhámos!
Sá Pinto voltou a fazer uma troca, mas desta vez compreensível. Trocou Viola por Jeffren e, por esta altura o SPORTING CP tinha a "artilharia" atacante toda em campo. Os golos da reviravolta consumaram-se, quando faltavam 15 minutos para o final, primeiro por Capel e depois por Ricky Van Wolfswinkel e os festejos foram qualquer coisa do outro mundo. Os jogadores e equipa técnica abraçaram-se como de um jogo grande se trata-se, conscientes do que esta partida representava para a continuidade da equipa no campeonato. Foi um jogo de coração em que cada jogador mostrou a alma leonina que ia dentro de si. Marcelo Boeck voltou a ser um adepto fervoroso no banco, desta vez acompanhado por Gelson Fernandes que também se mostrou muito irrequieto.
Para estragar (um bocado) esta felicidade, Labyad foi expulso com segundo amarelo depois de ter sido simplesmente empurrado por um jogador gilista. Enfim... felizmente para nós foi no final do jogo, não causando problemas de maior.
Esperemos que as vitórias sejam para continuar e que o SPORTING CP continue a demonstrar a mesma garra e dedicação que demonstrou ontem! SL

Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário